Coordenação Estadual renova sua liderança

Coordenação Estadual renova sua liderança

A Coordenação Estadual do Movimento ODS Nós Podemos Santa Catarina acaba de renovar seu time.  As eleições que definiram os novos coordenadores ocorreu no dia 20 de março, no auditório da Eletrosul em Florianópolis, durante a Assembleia Geral Ordinária do Movimento. A nova gestão atuará até 2020, com o propósito de tornar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) uma prática na gestão das organizações e na vida dos catarinenses.

 

Novos Coordenadores

 

 

 

Quem assumiu a coordenação estadual é Katiane Vieira, do Instituto Nação de Valor. Na foto, a partir da esquerda, Katiane Vieira; os coordenadores de comunicação, Alessandra Cavalheiro (pessoa física); de mobilização, Camile Rebeca Bruns (Unimed Brusque); geral adjunto, Thaynan Mariano (JCI); de projetos e recursos, Clarissa Iser (Projeta Planejamento e Marketing); adjunta de projetos, Andreoara Deschamps Schmidt (Pessoa Física); e Cristiani Jacobus, que representou a coordenadora de mobilização adjunta Giseli Mara Schena (SESC/SC).

 

 

“Não acredito em disruptura total. A ideia é dar continuidade as iniciativas da gestão anterior que vinham dando certo, avaliando e melhorando o que precisa ser ajustado”, avalia Katiane.
Katiane aproveitou para conclamar todos os signatários a contribuírem com a nova gestão. “Acredito que juntos somos mais fortes e podemos fazer mais. As metas são desafiadores e temos muito trabalho a ser feito”, completou.

 

Futuro do Movimento

 

Que futuro queremos para o Movimento? A Assembleia Geral debateu sobre o desenvolvimento institucional do Movimento, levantando as seguintes questões: seguiremos parte do Movimento Nacional ODS Nós Podemos Brasil, ou seremos independentes? Mudaremos nosso nome para Movimento ODS SC, a fim de reforçar nossa posição apartidária? A discussão não encerrou na assembleia realizada no dia 20 de abril, e um novo encontro para tratar especificamente desses assuntos deve ser realizado em breve. Os  signatários foram convidados a refletir e debater sobre os temas em reuniões dos comitês locais.

 

 

Sobre a Agenda 2030

 

A agenda 2030, que visa acabar com a pobreza até 2030 e buscar um futuro sustentável para todos no planeta, foi adotada em 25 de setembro de 2015, por unanimidade, pelos 193 Estados-membros das Nações Unidas, no início da Cúpula da ONU sobre o Desenvolvimento Sustentável 2015. A histórica adoção da agenda de desenvolvimento sustentável, com 17 objetivos globais (ODS), contou com líderes de países desenvolvidos e em desenvolvimento.

 

Sobre o Movimento ODS Nós Podemos Santa Catarina

 

O Movimento articula sociedade civil, governo e empresas catarinenses para o alcance das metas de desenvolvimento global no Estado.

 

Conheça os 17 ODS:

 

ODS 1: Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares;
ODS 2: Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar, melhorar a nutrição, e promover a agricultura sustentável;
ODS 3: Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades;
ODS 4: Garantir educação inclusiva e equitativa de qualidade, e promover oportunidades de aprendizado ao longo da vida para todos;
ODS 5: Alcançar igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas;
ODS 6: Garantir disponibilidade e manejo sustentável da água e saneamento para todos;
ODS 7: Garantir acesso à energia barata, confiável, sustentável e moderna para todos;
ODS 8: Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo, e trabalho decente para todos;
ODS 9: Construir infraestrutura resiliente, promover a industrialização inclusiva e sustentável, e fomentar a inovação;
ODS 10: Reduzir a desigualdade entre os países e dentro deles;
ODS 11: Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis;
ODS 12: Assegurar padrões de consumo e produção sustentáveis;
ODS 13: Tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos;
ODS 14: Conservar e promover o uso sustentável dos oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável;
ODS 15: Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater à desertificação, bem como deter e reverter a degradação do solo e a perda de biodiversidade;
ODS 16: Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis;
ODS 17: Fortalecer os mecanismos de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.
Fotos e texto: Carine Bergmann

About The Author

Comunicação