Nós Podemos Blumenau participa da construção de Cartilha de Segurança Pública que subsidiará projeto em 10 escolas do município

Nós Podemos Blumenau participa da construção de Cartilha de Segurança Pública que subsidiará projeto em 10 escolas do município

A Associação dos Conselhos Comunitários de Segurança de Blumenau (A-Conseg Blumenau) e o Comunidade em Ação realizaram no dia 31 de março, no Plenário da Câmara de Vereadores, a apresentação do Projeto “Cartilha Educativa Sobre Segurança Pública”, elaborada pelo publicitário Luiz Cé, que através dos personagens Vovô e Vovó Chopão e sua família, levam mensagens de prevenção às drogas e a violência.

Para ver a cartilha, acesse aqui.

cartilha_blumenau

 

O evento teve como objetivo apresentar o projeto e as entidades parceiras e lançar a programação de ações que serão realizadas nos próximos 60 dias. A programação prevê palestras e atividades em 10 escolas, incentivando a discussão e debates sobre os temas ligados à promoção da paz e prevenção à violência. No final da programação prevista para maio, será realizada a “Noite da Oratória” na presença de autoridades, onde os alunos destaques receberão diplomação e premiação.

 

O projeto foi idealizado pela Associação dos Conselhos Comunitários de Segurança de Blumenau e surgiu dos encontros e reuniões realizadas dentro do Movimento Nós Podemos Blumenau, que conta com a participação da Polícia Militar, Polícia Civil, Facilitação Treinamentos, Escola Barão do Rio Branco, do Sincor-SC e do Sindseg/SC. O Coordenador Geral do Movimento Nós Podemos Blumenau Cleber Sacht explica como surgiu a ideia: “durante as reuniões do Movimento foi sugerido a confecção de uma cartilha de segurança que vinha de encontro, na época, com o ODM 08 – Segurança Cidadã. Atualmente, com a mudança para os ODS, contempla o 16 – Paz e Justiça. A – Aconseg aceitou este desafio e foi em busca de patrocínios e apoiadores. Seria muito fácil cobrar dos órgãos públicos providências, responsabilizar a família, a escola, pois sempre esperamos que o outro faça. A máxima do momento é buscar parcerias, como aconteceu no projeto da cartilha de segurança e que atende diretamente o ODS 17 – Parcerias e meios de Implementação”.  

 

Segundo Salete Sbardelatti, representante da A-Conseg Blumenau, a cidade está com um efetivo muito baixo de policiais militares, civis e bombeiros: “em Blumenau temos 1 policial para mais de 1 mil de habitantes, existindo assim uma defasagem muito grande de efetivo para poder atender e dar segurança para todos da cidade”. Salete explicou ainda que foi feito uma pesquisa pelos Consegs junto à comunidade para levantar dados sobre os fatores que elevam o índice de  violência na cidade, e verificou-se que o problema maior são as drogas e a falta de políticas públicas voltadas às crianças, jovens e adolescentes em atividades esportivas, lazer e capacitação profissional.

 

O projeto conta com a participação de 10 escolas, que irão desenvolver ações durante o mês de maio, por meio de reuniões e palestras. Os alunos que se destacarem no projeto receberão um curso de oratória, e participarão da “Noite da Oratória”, onde serão apresentadas as suas ideias.

 

“Cada projeto, ideia ou sonho que se torna realidade, nos deixa muito motivados, pois demonstra que estamos no caminho certo. Agradecemos aos nossos signatários, neste caso em especial a Aconseg pela participação no Movimento e por levar e divulgar sempre o Nós Podemos Blumenau. O Movimento tem como principal objetivo mobilizar a sociedade em geral para alcançarmos juntos todos os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, pois temos a agenda 2030 como um compromisso diário”, afirma Sacht.

 

About The Author

Comunicação

No Comments

Leave a Reply