Placas solares são instaladas no Projeto Lontra

Placas solares são instaladas no Projeto Lontra

A iniciativa que irá promover economia de energia foi possível por meio da parceria entre o Instituto Ekko Brasil e a empresa Luz Solar

 

No mês de maio foi concluída a instalação do sistema de geração de energia solar no Projeto Lontra. O sistema, situado na sede do Instituto Ekko Brasil (IEB), na Lagoa do Peri, no Sul da Ilha de Florianópolis, é composto por 10 painéis solares de 220Wp cada, totalizando uma potência de 2,2kWp. O sistema tem capacidade para gerar 236kWh por mês, considerando a média anual. Energia limpa, produzida a partir do sol.

 

Esta ação está alinhada ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável nº 7 – Energia Limpa e Acessível. O IEB é signatário do Movimento ODS Nós Podemos Santa Catarina e, compromete-se, por meio de suas ações, estar alinhado com  os 17 objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a serem alcançados até 2030.

 

“Estamos muito animados com a parceria, pois o impacto social da energia solar vai muito além da economia financeira. Para nós do Instituto Ekko Brasil e Projeto Lontra é mais uma oportunidade de atuar para alcance das metas dos ODS: promover iniciativas sustentáveis, de baixo impacto ambiental e que deixem um legado positivo às futuras gerações”, explica Alesandra Birolo, presidente do IEB.

 

Há 30 anos o Projeto Lontra atua com a preservação da lontra brasileira, da ariranha e outros integrantes da família dos mustelídeos. Iniciativa do Instituto Ekko Brasil, ele tem o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental.  Este recurso é uma das formas de manter o Refúgio Animal: um centro de pesquisa, conservação e educação ambiental. Além disso, o trabalho consiste em monitorar a recuperação e conservação das espécies em ambientes costeiros, marinhos, e água doce.

 

Parceria para sustentabilidade

 

Com sede em Florianópolis, a empresa LUZ SOLAR é especializada em sistemas solares fotovoltaicos conectados à rede. Desenvolvem desde a análise técnico financeira, o projeto, a homologação na concessionária, o fornecimento dos equipamentos e instalação, acompanhando a geração e análise de performance após instalação.

“A empresa acredita muito nessa iniciativa de preservação ambiental, e tem dentre seus valores o respeito. Esse valor é tão amplo que entendemos que inclui o respeito ao meio ambiente, por isso buscamos a parceria com o Projeto Lontra”, avalia Eduardo Calcuchimac, Diretor Técnico da empresa Luz Solar.

 

A Luz Solar doou o projeto e homologação do sistema junto à Celesc, além da mão de obra de instalação e o material elétrico para o funcionamento dos equipamentos. Os painéis solares já eram do Instituto. O inversor de frequência foi uma doação da empresa Ecosolys, fabricante nacional desse equipamento.

About The Author

Comunicação